Avançar para o conteúdo principal

"No Momento em PT" Cinzas da Meia-Noite

Uma mulher impelida pelo sangue. Um homem sedento de vingança. Um lugar onde convergem a escuridão e o desejo…
Quando cai a noite, Claire Roth foge de casa, impelida por uma feroz ameaça que parece ter saído do próprio inferno. Então, de entre as chamas e as cinzas, aparece um guerreiro vampiro. Ele é Andreas Reichen, o seu antigo amante, agora um estranho consumido pela vingança. Apanhada no fogo cruzado, Claire não pode escapar da sua fúria selvagem, nem da fome que a arrasta para o seu mundo de eterna escuridão e infinito prazer.
Nada impedirá Andreas de destruir o vampiro responsável pelo massacre dos seus irmãos de Raça… mesmo que isso signifique utilizar a ex-amante como isco na sua missão mortífera. Ligada pelo sangue ao seu perigoso adversário, Claire pode conduzir Andreas até ao inimigo que ele procura, mas é um caminho repleto de perigos… e de profundos e inesperados prazeres. Pois Claire é a única mulher que Andreas não deve desejar, e a única que amou. Inicia-se assim uma perigosa sedução que dilui a linha que separa presa e predador e aviva as chamas de uma ardente paixão que pode consumir tudo no seu caminho…

Comentários

Mensagens populares deste blogue

"Leituras de" Março

Ao contrário de Janeiro, Março começou mal com a leitura, ou desistência dela, de um livro sobre Ninfas.

Mas depois foi melhorando aos poucos. O que melhorou também foi o número de leituras, já que li mais que Janeiro e Fevereiro juntos. Mas tudo graças a Abbi Glines e a Colleen Hoover. Foi um mês de leituras fiéis a escritoras, onde me dediquei a elas.

Abbi Glines continua a fazer as minhas delícias mas ainda estou com esperanças de ler um de Colleen Hoover que me faça dar-lhe 5* e me conquiste a 100%.

As opiniões estão quase em dia, mas estou a deixar algumas para trás. Espero não me arrepender.


"No Momento em Português" Promete-me

Elizabeth Collins tinha tudo o que sempre sonhou. O emprego para o qual estudou, uma família que a adorava e um namorado que a amava. Foi com o pensamento de um futuro promissor, que o mundo da Beth desabou aos seus pés. Ela foi raptada, torturada e violada por 7 longos anos. Levada para um mundo de terror e sofrimento, foi forçada a anos de cativo, sem esperança. Mesmo tendo encontrado a sua liberdade, estará ela realmente livre? Irá ela conseguir viver num mundo onde os monstros de verdade existem? Ou será que o Alec Brenner a conseguirá salvar de seus demónios? Uma promessa foi tudo o que ela pediu. Mas não era uma promessa qualquer. Será o Alec capaz de cumprir o prometido? Mesmo que isto signifique perder a Beth para sempre?

"Aquisições" Agosto

Este post andava perdido por aqui